fbpx

Diabetes e a saúde bucal

Clinicamente, pessoas portadoras de diabetes são mais suscetíveis a desenvolver doenças da boca, como as cáries e doenças periodontais, o que pode comprometer o controle do próprio diabetes.

Quem tem diabetes sabe que necessita de cuidados especiais. Seu dentista precisa estar informado sobre qualquer alteração em seu estado de saúde e sobre os medicamentos que estiver tomando para se manter preparado a ajudá-lo. Exceto em casos de emergência, não se submeta a qualquer procedimento dentário se o açúcar no sangue não estiver bem controlado.

Diabéticos podem realizar cirurgias na boca e extrações, desde que sigam algumas recomendações. Em caso de extrações ou outras cirurgias, é recomendável que a glicemia não esteja acima de 200mg/dl, vez que a glicemia alta pode dificultar a cicatrização e o restabelecimento dos tecidos, além de favorecer infecções. O controle da glicemia é essencial antes, durante e depois da cirurgia para evitar complicações.

Para prevenir problemas orais, vale lembrar:

  • Visitar regularmente o dentista e informá-lo sobre seu diabetes, bem como comunicar seu médico sobre qualquer tratamento dentário, já que qualquer infecção bucal pode alterar seu diabetes
  • Controlar seus níveis de glicose no sangue, pois isso ajudará a evitar a doença periodontal
  • Manter diariamente uma boa higiene oral utilizando-se de uma boa escovação e fazendo uso de fio dental. Se necessário utilizar enxaguatórios bucais
  • Mesmo com a limpeza diária, fazer uma limpeza profissional pelo menos duas vezes ao ano

Procurar urgente o dentista se apresentar:

  • Sangramento da gengiva durante a escovação
  • Gengivas avermelhadas, flácidas ou sensíveis
  • Gengivas se afastando dos dentes
  • Mau hálito persistente
  • Pus entre os dentes e gengiva
  • Separação ou perda de algum dente
  • Mudança na adaptação de próteses parciais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *